Tens a pele a descascar?



Descascou?

Foste um dia à praia ou à piscina e apanhaste um escaldão? Foste fazer uma caminhada, ao café ou às compras e dispensaste o protetor solar? As férias terminaram e vez umas casquinhas de pele a saltar?

Pode acontecer a todos pois sempre que nos expomos ao sol podemos provocar algum dano ou mesmo a morte de uma ou mais camadas superficiais da pele. Por isso, é preciso ter alguns cuidados que já conhecemos tão bem. 

A descamação é proporcional ao dano sofrido pela pele. Nas primeiras horas é essencial aplicar compressas frias e cremes hidratantes e calmantes, como é o caso do gel de aloé vera. É também muito importante o uso de cremes ou pomadas capazes de auxiliar a proteção da pele que está a regenerar, eu gosto muito do Biafine que se vende na farmácia. 
Só após alguns dias devemos usar óleos ou cremes mais emolientes para ajudar a soltar os restos de pele morta, nunca esfoliantes que possam agredir a pele "nova". 



Puxar aquela pontinha da pele que está solta pode parecer irresistível, mas é mesmo para resistir. 
Se a pele ainda está, mesmo que parcialmente, presa é porque ainda não houve cicatrização da camada que a irá substituir. Ao removê-la precocemente existe uma grande probabilidade de ficarmos com manchas.

Para prevenirmos as manchas é também muito importante a hidratação. No verão devido ao calor perdemos mais água e por isso devemos reforçar a ingestão diária de água. 

Espreita aqui as minhas dicas para beber mais água


Tenho de voltar a referir a importância da alimentação e a influência que esta tem na manutenção do bronzeado. Alimentos ricos em betacaroteno ajudam a produzir melanina, a substância responsável pela tonalidade da pele, estimulando assim indiretamente o bronzeado. Para além disso, como vos expliquei neste post, é uma pró-vitamina que é muito útil na manutenção de uma pele saudável. 

Outros cuidados que devemos ter, visto que a pele está fragilizada é evitar a água quente, esfoliantes e uma nova exposição solar que possa provocar danos mais profundos e até manchas permanentes. 

Mais umas dicas deste «Restinhos de Verão», espero que sejam últeis.